Por Di Lua, sobre Moda, Música
Dia 27/03/2018

Neste final de semana ocorreu o Lollapalooza 2018, festival de música anual que reúne bandas de rock alternativo, heavy metal, punk rock e grunge, e claro muito estilo.  Mais de 300 mil pessoas lotaram os três dias de festival no Autódromo de Interlagos , que contou com shows de Lana Del Rey,  Pearl Jam, The Killers, Red Hot Chilli peppers, Imagine Dragons, entre outros.

Festival de música é sinônimo de gente estilosa desde sempre, quem não se lembra do Woodstock em 1969? No Lollapalooza 2018 o público teve que unir estilo com conforto, pois os shows iniciavam às 12h30 e iam até as 23h, e muita gente arrasou nos looks, e os meus preferidos foram:

A Vic Hollo é uma celebridade da internet que sempre arrasa nos looks. Para o segundo dia do Lollapalooza, ela apostou na dupla short jeans e camiseta branca e deu aquele up no look com essa jaqueta de paetês branca e na bota western (que eu amo). Este tipo de look é o meu preferido, pois se tiver muito calor você pode tirar a jaqueta, e depois colocá-la novamente, além de que chama atenção, mas não por estar ridículo.

Já Ellen Jabour apostou em um look mais boho: bolsa de franjas e kimono longo de renda. Como o look foi todo off white, o ponto de atenção ficou por conta da bolsa escura. Amei muito esse look e vou me inspirar nele logo logo haha.

Que a Larissa Manoela não parece mais aquela garotinha de Carrossel eu já havia percebido, mas que ela arrasa nos looks é novidade para mim, que não acompanho ela assim tão de perto rs. Amo looks com mais de uma peça jeans e acho que tem tudo haver com festivais, assim como o uso de chapéus, até porque a maioria dos festivais de música começam ainda durante o dia. Além disso, fiquei babando nessa maquiagem dela. Arrasou.

Tem look mais cara de festival de rock que esse da Camila Queiroz? Camisa xadrez, saia preta de vinil e bota: bingo! Destaque e ponto bônus para as trancinhas laterais no cabelo.

E aí, vocês também gostaram destes looks do Lollapalooza 2018? qual foi o seu preferido?

 


Por Di Lua, sobre Moda
Dia 16/03/2018

Eu sou viciada em biquínis! Tenho vários conjuntos e ainda sim não posso ver um que já quero levar para casa, ou colocar na minha wishlist. Em mais uma dessas minhas compras imaginárias na internet, em que eu encho o carrinho e não compro nada (quem nunca?) acabei montando uma wishlist com vários biquinis da Zaful. Vejam:

O Violeta é a cor do ano de acordo com a Patone, empresa que ficou famosa por criar uma “Escala de Cores Pantone”, um sistema de cor utilizada na indústria gráfica e na indústria têxtil, então resolvi escolher alguns da seção purple swimsuit zaful:

01| 02| 03

01 – Eu amo essas hot pants, pois, além de esconder a barriguinha, são um charme.

02 – Este é o meu modelo de biquíni preferido! Sempre compro peças “soltas” de biquínis (só a parte de baixo lisa, ou só a parte de cima estampada que combine com duas cores ou mais), assim sempre tenho uma variedade grande de combinações.

03 – O que dizer dessa estampa de folhas? muito linda!

A tendência de hot pants não irá acabar tão cedo, e por isso coloquei estes três lindos da “high waisted bikini bottoms” na minha wishlist

 

01| 02| 03

01 – Eu amo tie-dyed, essa técnica de tingimento artístico, pois além de mudar totalmente uma peça, a torna única, pois nenhum tingimento será igual ao outro. O biquini é lindo, mas é daqueles que tem que tomar cuidado na hora de pegar sol, para não ficar com várias marcas estranhas pelo corpo haha.

02 – Ahhh, se tem um mix de estampa que amo é listras com poás, e foi por isso que me apaixonei por essa conjuntinho da Zaful! Esse com certeza eu irei comprar, pois amei muito.

03 – Esse conjuntinho uniu duas paixões minhas: hot pants e estampas delicadas.

Wishlist bônus: Mamães, titias e madrinhas, olhem só esses biquinis da seção “kids swimsuit Zaful“! Ahh, tem uns lindos na seção “Zaful girls swimwear também.

01| 02| 03

01 – Ahh, esse biquíni é uma gracinha e me lembra muito um que eu tive quando era criança.

02 – Maiô a cara dos anos 80 para a criança poder se movimentar a vontade

03 – Esse aqui foi escolhido pensando em fazer o famoso “Tal mãe, tal filha” com o biquíni do tópico anterior :D.

E aí, gostaram das minhas escolhas? Você já fez alguma compra na Zaful? comente aqui:

 


Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 13/03/2018

Imagem Ilustrativa | Reprodução Freepik.com

Daqui a exatamente um mês desembarcarei no lugar que sonho em conhecer desde os meus sete, oito anos. Apesar de não ser uma viagem impossível, eu sempre coloquei outras coisas na frente dessa viagem: aniversário de 15 anos, faculdade, festa de formatura, arrumar um emprego na minha área, relacionamento, juntar dinheiro para comprar minha casa, entre outros. E a viagem sempre ia ficando para depois.

A parte complicada dessa minha viagem dos sonhos é que ela envolve uma série de coisas: quero visitar várias cidades deste país, não falo a língua local, quero ficar muitos dias, quero conhecer diversos lugares, e para ficar muitos dias é necessário muito dinheiro hahaha. Por muito tempo pensei em fazer o intercâmbio, mas um intercâmbio para lá ficava caro. Decidi então fazer um intercâmbio de seis meses em outro país, em outro continente. Pesquisei bastante e já estava quase fechando quando me veio o seguinte pensamento: “Vou conhecer vários lugares lindos, lugares que nunca imaginei conhecer, voltarei cheia de experiências e histórias, mas ainda sim essa não é a viagem que sonho há tanto tempo. E como gastarei bastante dinheiro no intercâmbio, precisarei adiá-la por mais um tempo ”. E foi aí que em menos de cinco segundos decidi que iria fazer minha viagem dos sonhos, mesmo que por um período curto, mesmo que não exatamente como eu sempre planejei.

Minha viagem dos sonhos

E aí comecei a pesquisar sobre os lugares que queria conhecer, documentos necessários, passaporte, passagens, hotéis, etc. De novembro a dezembro eu já tinha a ideia de que realizaria essa viagem entre abril e maio (mês do meu aniversário), mas nem passagem eu tinha comprado ainda. Como eu não queria que essa viagem dos sonhos fosse adiada por mais tempo, passei  a monitorar os sites de passagens aéreas em busca de um preço mais baixo. Como eu pensava em ir para diferentes cidades, queria encontrar passagens em que eu chegava em uma cidade e voltava de outra, mas todos as passagens estavam saindo por mais de R$4000,00, o que ficaria um pouco puxado para o meu orçamento.

 

Imagem Ilustrativa

Depois de muito pesquisar decidi comprar uma passagem de ida e volta para o mesmo destino, que custou R$2109,00 com o valor das taxas já incluso. Não foi tão barata, mas foi ok rs. Com as passagens compradas, já não havia mais como desistir. Então comecei a traçar roteiros (que eu mostrarei aqui no blog e no canal detalhadamente), pesquisar hotéis, passeios, entre outros.

Minha viagem dos sonhos terá 32 dias e começa no dia 12 de abril, quando embarcarei em Goiânia com destino a São Paulo para pegar meu primeiro voo internacional (fui de ônibus para Buenos Aires). Desses 32 dias, 15 serei voluntaria em uma fazenda que faz comida para necessitados do mundo todo. Ou seja, será uma viagem de turismo, mas também de voluntariado. E o mais incrível disso tudo é que estou indo SOZINHA!

Como eu compartilho toda a minha vida aqui no blog, com essa viagem não será diferente. A partir de hoje contarei como foi o processo de pesquisa de passagens, escolha de hotéis/hosteis, explicarei como será esse voluntariado, mostrarei meus passeios, dividirei dicas e dúvidas, entre outros. Inclusive, já estou mostrando como eu me organizei em relação a roteiros lá no meu instagram (já me segue lá para não perder nada).

E faltando apenas um mês para eu viajar, estou sentindo um misto de felicidade e medo, mas tenho certeza que será incrível.

Saiba mais sobre essa viagem neste vídeo aqui.

E vocês, também tem uma viagem dos sonhos? Qual é a sua? Arrisca dizer para onde vou?


Páginas12