Por Di Lua, sobre Moda/Beleza, Uncategorized
Dia 17/08/2018

Com a popularização do Instagram, e consequentemente a postagem de looks do dia na rede, fizeram com que posts de look em blogs diminuíssem bastante. Na correria do dia a dia é bem mais fácil compartilhar o look apenas no instagram, ao invés de  produzir um conteúdo mais profundo sobre o ato de se vestir. Eu mesma, que amo posts desse tipo, diminui a quantidade deles aqui no blog pela falta de tempo. Mas sinto tanta falta, principalmente porque era o tipo de post que eu mais amava ler e me inspirar, lembro de seguir garotas extremamente estilosas, que hoje em dia nem blog tem mais. Por isso, pretendo voltar aos poucos a falar mais sobre isso aqui no blog e inspirar vocês a se vestirem sem se importar com a opinião dos outros, assim como eu fui e sou inspirada constantemente.

Amo tanto esse look, que usaria ele várias e várias vezes, se esse vestido não fosse tão curto rsrs. Eu comprei esse vestido há anos no AliExpress, porém, como quase todas as roupas do site, ele é muito curto. Na época, cheguei a pensar em vendê-lo e pedir um tamanho maior, mas acabei desistindo. Uso ele sempre com um vestidinho tubinho branco por baixo e as vezes com um short jeans, para não correr o risco de aparecer nada que não deve. Como ele tem uma pegada boho, com modelagem bem ampla e flores bordadas, gosto de usá-lo com bota ou gladiadora. Neste dia aí apostei no chapéu Floppy marsala, da De Flor em Flor, e nessa bota preta com fivelas da Vizzano, que eu amo.

Ahh, criei uma pasta dos meus looks no Pinterest, e o mais legal é que eles são tagueados. Assim, se você gostou muito de um look meu, pode ver de onde é a peça ou uma sugestão bem parecida. Legal né? A pasta dos meus looks é essa aqui.

Gostaram deste look? vocês preferem posts de looks em blogs ou no instagram?

 


Por Di Lua, sobre Uncategorized
Dia 10/08/2018

Você está pensando em reformar sua cozinha? A verdade é que hoje existem muitas alternativas que você pode encontrar em revistas de decoração e no trabalho realizado por empresas de construção e reformas.

 

É por isso que hoje vamos compartilhar algumas idéias para reformar sua cozinha.

Essas dicas foram enviadas pelo blog Apartamento 14. Nós esperamos que você seja inspirado.

Há muitos aspectos que podem fazer a diferença na decoração da cozinha. Desde a escolha das cores, que muito importante, também a escolha de materiais.
A distribuição da cozinha é um ponto muito importante, onde o ideal é obter o famoso. Inspire-se com estas imagens e tenha uma cozinha de sonho para a sua casa.

Paredes de pedra que dão calor

Não caia no erro de pensar que as paredes de pedra são usadas apenas nos ambientes mais rústicos.

Sim, é verdade que esse tipo de material dá uma aparência mais rural e acolhedora. No entanto, a pedra é capaz de iluminar as cozinhas mais modernas.

Sim, não há problema em combiná-lo com móveis brancos e sem alças, por exemplo, ou com piso de porcelanato liquido, tão elegantes nas cozinhas de hoje.

A pedra é um material que podemos incluir facilmente nas reformas da cozinha.

Para obter uma parede de pedra, você pode optar por um revestimento de pedra natural, que, sem dúvida, ficará bonito, mas, ao mesmo tempo, você deve saber que uma reforma desse tipo pode ser muito cara.

Você também pode escolher placas de parede decorativas que imitam a pedra. Não é o mesmo que pedra natural, mas existem acabamentos muito reais.

Uma cozinha aberta para o resto da casa

Seguindo com esta lista das melhores idéias para reformar sua cozinha, não devemos deixar de lado as cozinhas abertas. Embora na questão da distribuição de uma cozinha, há muitos fatores que influenciam, devemos estar claros sobre as tendências.

Sim, as cozinhas abertas são as mais vistas hoje. Não apenas para criar ambientes multifuncionais que reúnam toda a família, mas também para aproveitar melhor o espaço, principalmente em cozinhas pequenas.

Não é de surpreender que uma pequena casa tente buscar a unificação da cozinha com a sala de estar ou a sala de jantar. Esteticamente, como vemos nessas imagens, parece muito bom. Mas, além disso, estaremos criando um espaço muito maior para o olho humano.

Branco e madeira: a tendência que nunca sai de moda

No que diz respeito às cores, o branco ainda é rei. Não podemos negar que as cozinhas brancas ainda são as mais demandadas pelas pessoas. No entanto, há uma tendência clara em torno de móveis de madeira.

Além disso, em muitos casos, esses dois tons são combinados para dar origem às cozinhas combinadas, que também são uma tendência clara. A coisa boa sobre isso é que ambos os móveis de madeira e branco são completamente atemporais.

Uma ilha de cozinha para os mais exigentes

As ilhas de cozinha não é algo que qualquer um pode ter. Não, não é que eles tenham um preço proibitivo, embora seja verdade que eles são uma despesa extra. Pelo contrário, é devido a um problema de espaço.

No entanto, se a sua cozinha couber uma ilha, não pense duas vezes, coloque-a. Uma ilha pode ser uma superfície extra para cozinhar, ou até mesmo um bar de estilo americano para jantares improvisados. Como você vê, são todas vantagens.

Esperamos que você aproveite esta seleção das melhores idéias para reformar a sua cozinha e que irá inspirá-lo se você estiver construindo sua casa ou se estiver pensando em remodelá-la.

 

*Este é um Guest Post


Por Di Lua, sobre DIY
Dia 01/08/2018

 

Eu tenho um sobrinho fofo de quatro meses, o Vítor , e volta e meia ficava pensando no que eu poderia fazer para ele com os tecidos e feltro que tenho em casa. Foi aí que na semana passada surgiu a ideia de fazer um macacão (macaquinho) para ele. Essa malha eu havia usado para fazer uma calça de dormir e como havia sobrado cerca de 1/2 dela, portanto não pensei duas vezes em usá-la, pois essa estampa de âncora é muito fofinha. Além disso o macacão que fiz é uma peça bem básica e muito fácil de ser feita e qualquer pessoa com conhecimentos básicos de costura conseguirá fazê-lo.

 

Materiais necessários

1/2 de malha com a estampa de sua preferência;

Tesoura;

Linha e agulha;

Alfinete de cabeça;

Elástico;

Fita métrica;

Botões;

Calça do bebê para molde; e

Máquina de costura.

Passo a Passo 

Eu fiz o macacão utilizando a calça do meu sobrinho como molde, marquei três dedos nas laterais e corte a malha seguindo o desenho da calça. Depois disso fiz a parte de cima do macacão, conforme o vídeo abaixo. Para não ficar caindo, coloquei elástico na parte de trás do macacão. Veja o passo a passo abaixo:

Gostaram deste tutorial? vocês costuram ou tem vontade de aprender costurar? comente aqui:


Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 24/07/2018

Assim que eu comecei a planejar minha viagem de fato e de ter decidido que esticaria até Las Vegas, o Grand Canyon logo veio a minha cabeça. Contudo, eu só encontrava relatos de pessoas que tinham ido até o local de carro e não de ônibus e foi aí que intensifiquei minhas pesquisas, para saber se tinha como ir de ônibus, sozinha, de excursão.

Como ir ao Grand Canyon de ônibus saindo de Vegas?

Encontrei vários nomes de empresas que faziam esse tour, e aí veio outra dúvida: comprar daqui ou deixar para comprar lá. Mas faltando cerca de um mês, entrei no Groupon dos Estados Unidos e encontrei uma oferta de $94 pela empresa Grand Canyon Company Tour, como eu já tinha ouvido falar desse empresa, comprei. Enviei um email para eles antes, perguntando o que eu precisaria fazer depois de comprar o voucher, e eles me responderam falando que era só enviar um email para eles para trocar o voucher do Groupon pelo ticket deles, e foi o que eu fiz.

Cheguei em Las Vegas em uma sexta a noite e fiz este passeio no domingo, 6 de maio. Combinei com a empresa de pegar o ônibus às 6h em frente ao Stratosfere Las Vegas, que era o hotel mais próximo do hostel que eu estava, o Sin City. O ônibus saiu por volta das 06h20 do local, pegou passageiros em outros hoteis, passou na sede da empresa para confirmação do cadastro, pagamento e para o café da manhã (café, água e uns croissants doce), que estava incluso na compra do ticket. Já era 8h da manhã quando saímos de Las Vegas rumo ao Grand Canyon. Por volta do 12h paramos no restaurante Rodeo em Williams para o almoço Buffet, que estava incluso no pacote e chegamos no Parque Nacional do Grand Canyon – South Rim por volta das 14h30.

Williams

O Grand Canyon, uma das sete maravilhas do mundo natural, é uma formação rochosa, que resultou de processos erosivos, principalmente pelas águas do rio Colorado, chuva, neve e vento. Sua história começou a mais de 2 bilhões de ano quando rochas ígneas e metamórficas foram formadas. E a 6 milhões de ano ele vem sendo esculpido pelo Rio Colorado, que atravessa a região mais árida da América do Norte, o Arizona. O Grand Canyon possuí 445km de comprimento.

 

Chegar no Grand Canyon é um misto de alegria e emoção. A gente perde as formações rochosas de vista e em alguns pontos é possível avistar o Rio Colorado traçando seu caminho entre os canyons. Me senti tão pequena naquele lugar tão gigante. Valeu muito a visita. Fiquei andando pelo Parque Nacional (que conta com loja de lembrancinhas, lanchonete e um Museu onde é possível entender como o Grand Canyon se formou) té às 17h, quando o ônibus saiu de lá para voltar para Vegas. Teve uma parada para lanche, em uma cidade que não lembro o nome, e passamos pela Hoover Dam na volta, estava iluminada, mas não dá para ver muita coisa. Chegamos em Vegas por volta das 22h, e fui direto para o Hostel dormir.


Páginas123456789... 226»