Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 25/02/2015
Jardim na entrada da cidade
No último final de semana fui para Caldas Novas/GO (conheça mais sobre a cidade neste post aqui) com o namorado. Passamos mais tempo no hotel em que ficamos hospedados, o Golden Dolphin Express, mas demos uma volta pelo centro da cidade no sábado a noite, e no domingo fomos até o Lago Corumbá.
Foto Reprodução do blog Cia dos Boteco, pois a pessoa aqui não tirou nenhuma fotinha 🙁
Chegamos na tarde de sexta em Caldas, e aproveitamos para saborear um Empadão Goiano da Tânia, indicado pelo Guia Quatro Rodas por dez anos consecutivos. Como não como pequi (nem todo goiano gosta desta iguaria rsrs), um dos ingredientes principais do empadão goiano, e o empadão paulista (que leva frango, palmito e mussarela) estava em falta, pedimos um empadão carioca (camarão e requeijão), que estava uma delicia. O Empadão é assado na tigela de barro e serve duas pessoas. O Empadão Goiano da Tânia está localizado na Rua Antônio Coelho de Godoy, 58 – Centro de Caldas Novas.

 

Parte do parque aquático do Golden Dolphin Express
Foi a primeira vez que fiquei no Golden Dolphin Express e gostei bastante da estrutura do hotel. Compramos um pacote com duas diárias, café da manhã e meia-pensão pelo Hotel Urbano. O Hotel é o segundo empreendimento da empresa na cidade e fica ao lado do Golden Dolphin Grande Hotel, ambos tem um ótimo parque aquático, com diversão para toda a família.
O centro da cidade é bem badalado, na praça central tem um parque de diversão que vive cheio de gente, uma feirinha de artesanatos e de culinária. Indicaram-nos um famoso restaurante da cidade, mas que já tinha encerrado o expediente quando o encontramos. Decidimos então saborear um crepe recheado (gigante e delicioso) na feira.
No domingo curtimos piscina com água quente até as 10:30h e depois fomos conhecer o Lago Corumbá II, formado pelo represamento do Rio Corumbá para a geração de energia elétrica. Mas para a nossa surpresa, o lago,que é conhecido por sua beleza e ponto de encontro dos praticantes de esportes náuticos, estava bem diferente do que costumávamos ver pela televisão e internet, resultado da crise d’água que o mundo todo já está vivenciando.

 E vocês, já conhecem Caldas Novas ? ficaram com vontade de conhecer ? Comente aqui.


Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 16/01/2015

No inicio do ano, fui com a família à Cachoeira do Maratá, localizada em Pires do Rio/GO a 145 km de Goiânia. A Cachoeira, principal ponto turístico da cidade, oferece 55 metro de queda d’água, contato com a natureza e um ambiente bastante familiar.

No meio do cerrado, bioma característico do Centro-Oeste, a cachoeira do Maratá está localizada a 17 quilômetros de Pires, em uma propriedade particular, na Rodovia GO – 309 ( Pires do Rio – Caldas Novas). No local há um restaurante que oferece pratos da culinária goiana, petiscos, entre outros.

Para passar o dia na cachoeira é cobrado uma taxa de R$15,00 ( por pessoa), e o horário de funcionamento é das 8:30 – 18:30 aos sábados, domingos e feriados.

 

 

 

 


Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 18/02/2014

Caldas Novas Rio Quente lary di lua (23)

Conheço bastante lugares no Brasil, mas conheço principalmente meu Estado. E a cidade de hoje é conhecida nacionalmente como o Paraíso das Águas Quentes, e que eu curti esses dias.

Caldas Novas (152km da capital) é uma das maiores estância hidrotermal do mundo, com águas que brotam do chão a temperaturas que variam de  28° a 60°C. E o turismo é a principal fonte de renda da cidade, que conta com diversos Resorts, hotéis, pousadas, clubes, entre outros. Fazendo divisa com Caldas, está Rio Quente ( 135km de Goiânia), município que abriga o complexo turístico Rio Quente Resorts, empresa dona do Hot Park, e que também têm as mesmas características termais de Caldas.
Caldas Novas Rio Quente lary di lua (24)
As principais atrações da cidade são: a Serra de Caldas, o Lago de Corumbá, Hot Park. E as principais festas são o Caldas Country (Festival de música sertaneja), Carnaval, entre outros feriados.
Conheça um pouco do Hot Park nesse vídeo que eu gravei em agosto de 2013.
História
As águas quentes da região de Caldas Novas e Rio Quente foram citadas  por volta do ano de 1545 pela primeira vez em uma publicação espanhola.
Em 1722, o filho do bandeirante Anhanguera, Bartolomeu Bueno Filho, veio com sua tropa explorar a região. Segundo a história, seu cachorro fugiu e acabou entrando em um rio quente, com água escaldante e começou a “gritar”. Ao ouvir o desespero do animal, o bandeirante  foi ver o que estava acontecendo, e logo percebeu que se tratava de um rio de água quente. Com os anos, a história foi se espalhando e a região começou a receber turistas do mundo todo.
Caldas Novas Rio Quente lary di lua (1)
Formação das Águas Quentes
Furnas já realizou um grande estudo sobre as águas de Caldas Novas. Segundo os estudos, o fenômeno das águas quentes ocorre devido a características geológicas e topográficas bastante particulares da região. As águas são aquecidas com o calor de camadas profundas do interior da Terra.
No subsolo da região se encontra muito xisto e quartzito, minerais constituídos por camadas impermeáveis. O xisto é uma formação rochosa mais plástica, ou seja, mais moldável pelas forças exteriores. Já o quartzito é uma rocha mais rígida, sob pressão, permitindo a formação de grandes conjuntos de fraturas. Nessas fraturas de quartzito as águas termais encontram as condições ideais para se formarem.
Caldas Novas Rio Quente lary di lua (10)
Com a infiltração da água da chuva no topo das Serras de Caldas e da Matinha, a água quente, confinada sob as camadas de xisto e quartzito, fica submetida a uma pressão muito grande.Essa água se infiltra por fraturas que atravessam os xistos, interligando a superfície do solo aos quartzitos, permitindo que a água quente, aflore naturalmente.
 Essa água sob pressão também pode ser captada antes de “brotar”, através de bombas instaladas em poços, como é o caso dos hotéis e clubes da cidade.
Caldas Novas Rio Quente lary di lua (21)
Caldas Novas Rio Quente lary di lua (22)
Fotos: Laryssa Machado
Fonte: Caldas Web, Wikipedia, Super Interessante
Este não é um Publieditorial

Páginas123