Por Di Lua, sobre Entretenimento
Dia 13/11/2018

Imagem Reprodução

No próximo domingo,18 de novembro, Mickey Mouse, o ratinho mais famoso do mundo completa 90 anos. Em Nova York, onde ele apareceu pela primeira vez, as nove décadas do ratinho estão sendo comemoradas com a “Mickey: The True Original Exhibition”,  onde estão exibidos, em quase 5km, artefatos vintage da Disney e obras históricas e contemporâneas de artistas renomados.

Mickey Mouse

Criação de Walt Disney, Mickey Mouse apareceu pela primeira vez no dia 18 de novembro de 1928 em “Steamboat Willie (O Vapor Willie)”. O desenho sonoro em preto e branco foi apresentado no Colony Theatre em Manhattan, Nova Iorque. Contudo, o personagem foi criado para os curtas animados mudo “O Avião do Mickey e “The Gallopin Goucho”, mas antes da finalização do primeiro, o cinema ganhou som e estes curtas só foram exibidos posteriormente.

O personagem foi criado a partir de esboços de Oswald, um coelho criado por Walt Disney, mas que foi “remodelado” após problemas com direitos autorais.

Imagem Reprodução

Inicialmente Mickey era apenas um camundongo falante de uma tira cômica, sendo dublado pelo próprio Walt Disney. Seu primeiro nome seria Mortimer, mas como era muito pesado e formal para um desenho, Lily Disney, esposa de Walt Disney, sugeriu o nome consagrado.

Transformações

Nos primeiros anos de suas aparições, Mickey bebia e fumava. Mas por ganhar popularidade, Walt Disney decidiu torna-lo politicamente correto em 1930. Ao longo dos anos muitos sócios e empregados da Disney tentaram tirar Mickey de circulação, contudo ele era considerado a estrela da sorte por seu criador.

Imagem Reprodução

Em 1935, Mickey, já colorido, ganha a companhia de Donald e Pateta em “O Chefe da Banda”. Já em 1936, o ratinho aparece junto com sua amada Minnie em “O Rival do Mickey”. Pluto, seu cachorro de estimação aparece em “Dá uma Pata” (1941), que ganhou o Oscar de melhor curta-metragem.

Eu e a Minnie em maio deste ano na Disneyland Califórnia

Em 1940, os estúdios Disney lançam “Fantasia”, primeiro longa metragem de Mickey, que aparece como um feiticeiro atrapalhado. O filme fugiu totalmente do padrão dos Clássicos Disney, a não ter uma narrativa tradicional, como inicio meio e fim, mas sim oito sequencias distintas que ilustram trechos de musica clássica. Na estreia, as musicas de Fantasia foram executados pela Orquestra da Filadélfia, com condução de Leopold Stokowski e direção de Joe Grant e Dick Huemer.

Ao longo dos anos, Mickey foi se adaptando as transformações pelas quais o mundo passava e foi sendo remodelado. Em 1932, Walt Disney foi premiado com um Oscar honorário pela sua criação mais famosa. Já em 1978, quando completou 50 anos, Mickey se tornou o primeiro desenho animado a ganhar uma estrela na Calçada da Fama em Hollywood.

Disneyland Califórnia

Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 06/11/2018

No feriado do dia 12 de outubro fui para a Chapada dos Veadeiros com a Satur Viagens e aproveitei para conhecer a nova trilha do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Saímos de Goiânia no dia 11 de outubro a noite e chegamos na Vila São Jorge, onde ficamos hospedados, por volta das 6h da manhã. Me ajeitei no meu quarto, tomei um café da manhã reforçado e fui para o Parque, que fica a 800m da Vila. Estava com um grupo que conheci na excursão e decidimos fazer a Trilha do Carrossel, inaugurada no dia 11 de setembro.

A Trilha faz parte do circuito dos Saltos, mas você não precisa ir até eles. Você pode pegar a trilha e seguir direto para a Cachoeira do Carrossel, se refrescar após duas horas de caminhada e seguir para as Corredeiras do Rio Preto para descansar e finalizar a trilha, voltando para a entrada do parque, como eu fiz. O trajeto de ida e volta da trilha do Carrossel passando pelas Corredeiras tem cerca de 9km.

A intensidade da trilha é moderada, com trechos com pedras soltas, descidas íngremes e pedras escorregadias. É preciso ter preparo físico e atenção redobrada. Apesar disso, vale muito a pena, pois a cachoeira do Carrossel é linda. Ahh, além disso, o público preferencial tem entrada permitida com veículos 4×4 próprios até o estacionamento das Corredeiras.

Corredeiras do Rio Preto

Parque Nacional dos Veadeiros

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral à natureza localizada aqui em Goiás. Até maio de 2017, o parque abrangia uma área de aproximadamente 65 500 hectares de cerrado de altitude, dos quais aproximadamente 60 % ficam em Cavalcante e os demais 40 % em Alto Paraíso de Goiás. O parque ainda abrange os munícios de Colinas do Sul, Teresinha de Goiás e São João da Aliança. O Parque foi criado em 11 de Janeiro de 1961, pelo então presidente Juscelino Kubitschek para proteger áreas de enorme beleza, recursos hídricos, fauna e flora específicos do cerrado mais alto do país, protegendo inclusive o ponto culminante do Planalto Central.

Em dezembro de 2001 o parque foi incluído na lista do Patrimônio Mundial pela UNESCO. Atualmente sua administração está a cargo do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Assista ao vlog deste dia aqui

Saiba como chegar à Cachoeira Santa Bárbara lendo este post aqui


Por Di Lua, sobre Dicas de Goiânia, Moda/Beleza
Dia 01/11/2018

Você sempre quis saber se maquiar para uma festa ou para o dia a dia? sempre quis saber fazer um contorno, marcar os olhos ou fazer um delineado gatinho para ninguém colocar defeito? A O Boticário do Shopping Bougainville está oferecendo cursos de automaguiagem no Make Up Studio, um espaço dedicado ao aprendizado de técnicas de make e com profissionais especializados para você aprender a se maquiar de forma descomplicada. São dois módulos disponíveis em aulas ministradas de terça a sábado, na loja do Shopping Bougainville. À frente das modernas técnicas de beleza, estão os experientes maquiadores Bruna Karoline e Wanderson Grigório.

Entender de automaquiagem tem sido uma opção buscada por muitas mulheres, mesmo as que têm à disposição os melhores maquiadores. Afinal, além de uma rotina atribulada ou imprevistos, há sempre necessidade de retocar a make em diferentes momentos. Respeitar preferências de cores, biótipo e estilo é também outro ponto positivo apontado por adeptos da técnica que traz praticidade”, explicam os maquiadores.

 

Maquiagem acessível

Quem está iniciando no universo da maquiagem tem a opção Você Pode, que oferece técnicas de automaquiagem básicas, que incluem desde a escolha à aplicação correta de produtos como base, corretivo, batom, sombra, blush e delineador, além dos pincéis mais adequados para a perfeita execução da make.

Já o módulo Você Pode Mais prepara as mulheres para executarem produções mais elaboradas. O módulo oferece acompanhamento personalizado para quem deseja equilibrar as linhas do rosto (aumentar, afinar, sombrear e iluminar), aplicação de sombra preta (incluindo efeitos esfumado, delineado e côncavo) e preparação da pele.

Cada aula tem duração de duas horas e meia e custa R$ 90. A taxa inclui apostila e R$ 60 podem ser convertidos em compra de produtos de maquiagem. As inscrições podem ser feitas em qualquer loja da marca em Goiânia, Senador Canedo e Aparecida de Goiânia. Para mais informações procure uma unidade do O Boticário ou ligue no número 62. 3245-1248.


Por Di Lua, sobre Diário de Viagem
Dia 26/10/2018

Esse post é uma continuação do post “Quanto custa uma viagem de 30 pela Califórnia? parte I“, onde falo sobre todos os gastos que tive durante minha viagem de 30 dias pela Califórnia, sendo quatro dias em Las Vegas/NV. Se você chegou aqui agora, leia ele primeiro 🙂

Alimentação

Como eu tinha o café da manhã incluso em todos os hosteis, gastei em média $25 por dia com almoço, janta e lanche da tarde rs. Vale ressaltar que eu nem sempre comia refeições completas, principalmente porque eu sempre estava na rua e comia no primeiro lugar bonitinho que eu via. Outro ponto importante, é que em Los Angeles, no dia que eu almoçava bem: carne e saladas eu comia no McDonalds à noite (do lado do meu Hostel) porque tinha um cardápio de $3 (cheeseburguer $1, cheesebancon $2, refri $1). Além disso, teve os dias que gastei mais com comida, como os dias que fui ao parques de diversões (veja valores nos post sobre os parques), e teve dias que eu quis comer melhor, tipo em Las Vegas que comprei um Sirloin Steak (carne com dois acompanhamentos) no Denny’s, que com refrigerante e a gorjeta custou cerca de $22, e no meu último dia de viagem, que comprei um prato com frango, legumes e batata no Mel’s Drive In (foto abaixo) e que custou cerca de $25 com gorjeta.

O lugar onde eu me alimentei melhor, durante a viagem, com certeza foi no Gleanings (voluntariado que fiz na Califórnia), pois lá tinha cinco refeições diárias e com opções de carnes e saladas.

Atrações turísticas

Vou listar aqui as atrações fixas que escolhi fazer durante minha viagem pela Califórnia, ou seja, as que eu tinha certeza que eu ia e que planejei com antecedência. Há posts específicos sobre elas no blog, só clicar em cima da palavra para ser redirecionado.

 

Museum of Ice Cream: Custou $44 e paguei R$160,15 no cartão de crédito

Grand Canyon: Custou $94 e paguei R$355,62 no cartão de crédito

Disney: Custou $107 e paguei R$391,88 no cartão de crédito

Universal Studios: Paguei R$355, pois comprei em uma empresa brasileira, a Vírazom (mais detalhes aqui).

Seguro viagem

Não é obrigatório seguro viagem para entrar nos Estados Unidos. Contudo, na internet está cheio de relatos e pedidos de ajuda de pessoas que sofreram algum acidente ou passaram mal no país e ficaram com dívidas enormes nos hospital. Além disso, o seguro também cobre extravio de malas, entre outras coisas que dão certa dor de cabeça. Então preferi viajar segura, sem me preocupar com isso. Fechei meu seguro viagem com a Seguro Viagem Allianz, com cobertura de até $30.000,00 por R$333,16, válidos por 34 dias, com vigência de 00h de 12/04/2018 a 23h59 de 15/05/2018, dias que eu saí e voltei para o Brasil, respectivamente.

Chip de celular

O chip possibilitou eu tirar fotos lindas do The Palace Fine Arts e postar imediatamente em minhas redes sociais.

O chip de celular foi essencial nessa viagem, principalmente por conta do Google Tradutor, e eu não queria ter que ficar dependendo de wifi. Por isso pesquisei várias opções de chip de celular com internet ilimitada e acabei escolhendo um chip com internet ilimitada durante 32 dias da Easysim 4U, que custou $52,10 (R$186,57 pelo cartão de crédito) com 32 dias de internet (apesar de ficar 30 dias nos EUA, teve os dias que fiquei no aeroporto na chegada e na volta rsrs). Vi muita reclamação da empresa na internet, mas o meu funcionou direitinho.

Atenção: Sei que gastei mais usando o cartão de crédito, contudo preferi comprar muita coisa antes com o cartão para não correr o risco de comprar na hora e não da certo ou perder, o ingresso do Museum of Ice Cream só é vendido com um mês de antecedência, por exemplo.

Gostou deste post? salve ele em seu Pinterest clicando na logo da rede ao passar o mouse em qualquer foto deste post!

 


Páginas12345... 226»